segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Acomodado Ego Incômodo [3]

Não sei a razão de existir do inferno astral
ele desnorteia, desconecta, desorienta
e não só o ego despenca
a imaginação e a felicidade se esvaem
nas formas clássicas - ou não
aniversários aterradores
natais depressivos
e o mês de agosto
por que agosto?
porque sim!
sei lá se é o fato de eu não querer ser pai
ou talvez eu ter um pouco de cachorro louco
quem sabe a mudança do egocentrismo inrustido da lua em leão
para a organizacionalidade explícita do ascendente em virgem
só sei que agoto tem um efeito devastador sobre mim
agosto insano
a gosto de Deus
ah, gosto - de venenos lentos e ácidos -
simplesmente agosto chega quando não preciso de um inferno astral
quando não posso me dar ao luxo desses pequenos devaneios psicológicos
e o tal do ego
não mais incômodo
momentaneamente desacomodado
começa a balbuciar no ouvido
coisas que só o cérebro concatena
coisas que nem o coração entende
que se exploda agosto!
tenho um mundo pela frente
a chave da porta do inferno astral nas mãos
e, nesse momento
a porta vai se manter fechada
fico do lado de fora
pois não tenho tempo pra incomodar este ego
com pequenos maus-presságios astrais
o inferno vai ter que esperar

Um comentário:

Deinha disse...

Dougzinhoooo!!! AMEIIII!!! Eu já tinha visto o link do blog, mas tava tão enlouquecida que não tinha conseguido visitar ainda! Muito bom!

Inferno astral é todo um pesadelo. O meu é abril! Mas como tu mesmo disse: o inferno vai ter que esperar! hahaha Bola pra frente, sempre.

Bjãooo | miss U